25.4.07

do elogio

uma vez
e outra
dois amigos distintos disseram: parece manoel de barros.
não bem um parece-parece. era um parece-lembra. só pode. de longe. assim. sem óculos. na penumbra.
fiquei feliz igual.
-
hoje, na livraria, tinha um livro dele.
bom, deve ter sempre.
mas esse ‘tava pra fora. numa caixinha craft. com uma fita prendendo as páginas. soltinhas. folhas infantilmente dobradas.
delicamente desmilingüindo.
não resisti.
-
já li.
uma a uma
calmamente como necessário.
delicado como a fita de cetim.
-
era um parece-lembra. de fato. de longe. assim. sem óculos. na penumbra.
fiquei feliz igual.

2 comentários:

vento disse...

(a) calma a mente com o necessário.

vento disse...

puxa... 'fiquei feliz igual' é uma coisa muito saborosa.